sábado, março 26, 2011

isabel alçada e a alteração das regras

Ouvi de relance, na televisão, a ministra Isabel Alçada afirmar que não se alteram as regras no meio de um ano letivo. Tudo a respeito da revogação da avaliação dos professores proposta pelo PSD (Passos Coelho foi claro, na entrevista à SIC, que não se trata de oportunismo eleitoral). Ouvi e pasmei. Se existe ministério em que sistematica e naturalmente se alteram formas processuais de ação tanto estruturais como também de âmbito mais imediato, esse ministério é o da educação. Basta olharmos para os inícios dos vários anos letivos e são muito poucos os que têm como adquirido um campo de ação rigorosamente estruturado. Apenas alguns exemplos: integração de professores nos quadros, concurso docente, reformulação de programas e de currículos, acordo ortográfico, avaliação os professores, estatuto da carreira docente, estatuto dos alunos, créditos das escolas, autonomia das escolas.

Sem comentários:

coisas

vamos pela estrada e sentimo-nos bem. lá fora, o vento sopra, a neve cai, voam duas aves perdidas. eu sei que tenho de chegar a algum lugar...

neste momento...