terça-feira, abril 23, 2013

a culpa é do constitucional, ou da constituição, tanto faz

Ouvi hoje pela enésima vez um membro do Governo culpabilizar o Tribunal Constitucional pelas já decididas agravações no âmbito da despesa pública. Coube, desta vez, ao extraordinário ministro Nuno Crato transmiti-lo, via televisão pública. Repito o que qualquer pessoa de juízo já percebeu. O Governo elaborou um orçamento que continha normas inconstitucionais. Qual destas nove palavras é que esta gente ainda não percebeu?

Sem comentários:

coisas

vamos pela estrada e sentimo-nos bem. lá fora, o vento sopra, a neve cai, voam duas aves perdidas. eu sei que tenho de chegar a algum lugar...

neste momento...