quinta-feira, novembro 03, 2011

o referendo grego

Chegou a Grécia a um limite. O suposto referendo ao novo empréstimo monetário acrescido de mais um plano de austeridade não é mais do que um referendo à saída da Grécia da união monetária. Talvez seja com decisões deste tipo, assentes, portanto, na democracia, que a Europa pule e avance. Mesmo que isto implique uma aparente regressão. No fundo, o que falta à Europa são europeus, a voz do povo.

Sem comentários:

coisas

vamos pela estrada e sentimo-nos bem. lá fora, o vento sopra, a neve cai, voam duas aves perdidas. eu sei que tenho de chegar a algum lugar...

neste momento...