quarta-feira, outubro 09, 2013

entrevista ao primeiro ministro

Sigo a entrevista de Passos Coelho na RTP1. Como foi prodigiosamente propagandeado, Passos Coelho responde às perguntas de vinte anónimos portugueses. Uma primeira conclusão a que chego, anódina, tem a ver com um certo perfil psicodramático do primeiro-ministro: gosta de se ouvir. Para além disso, há um certo "show off" em tudo aquilo. Não é que as perguntas não sejam interessantes e pertinentes. O lado monofónico da coisa é mesmo por culpa do Sr. Passos: fala, fala e diz muito pouco.

Sem comentários:

coisas

vamos pela estrada e sentimo-nos bem. lá fora, o vento sopra, a neve cai, voam duas aves perdidas. eu sei que tenho de chegar a algum lugar...

neste momento...